Existe algo que prende o jogador de DotA ao game. Seja a variedade de heróis, os diferentes match-ups que podem acontecer ou a emoção das team fights, ganks e outras manobras coordenadas.

Ah, e tem a zoeira. A boa e velha zoeira.

Saudações, leitores. Me identifico pela alcunha de Pimpão, e jogo DotA pela zoeira. Sou o referido co-autor do El Baramallo e venho até vocês mostrar-lhes como jogar DotA do jeito mais eficiente eficaz inteligente engraçado o possível. Como o Baramallo é um vagabundo e não acabou o artigo sobre Psicologia a tempo, ele pediu pra eu postar o meu hoje.

Aviso de antemão que não me responsabilizo por quaisquer jogos que vocês ganhem por terem aprendido algo aqui.

Meepo, o Geomante, sempre foi um dos meus personagens favoritos. Isso se deve ao fato de ser um dos heróis mais peculiares do DotA, graças a seu Ultimate, Divided We Stand, que falarei sobre logo mais.

Meepo é um carry. Ele consegue levar o jogo muito bem, especialmente se conseguir experiência logo cedo e farmar corretamente. É possível ficar três ou quatro níveis acima do resto do jogo, já que ganha experiência em mais de uma lane. É dificil jogar de Meepo. Muito difícil. Requer um micro-gerenciamento muito preciso, para que possa farmar com todos seus clones.

Ou você pode jogar isso pela janela e fingir ser uma Broodmother.

Sua caracteristica definitiva, a Ultimate Divided We Stand, é uma passiva que cria um Meepo exatamente igual ao original, exceto pelos seus itens. Os clones ganham apenas uma fração dos bônus de atributos que os seus itens lhe dão. Com o Aghanim’s Scepter, os clones recebem 100% dos atributos provindos de itens do original, e você ganha mais um clone, podendo chegar a um máximo de 5 Meepos correndo pela floresta1

5 meepos. Cada um batendo uns 100 de dano, mais os 140 por segundo da passiva Geostrike, mais 80% de slow…cara, isso é muito dano! Então pra que separar os meepos? Bota tudo na mesma lane e senta o sarrafo! É só deixar todos sempre selecionados e os enviar pra treta como uma torcida organizada. Configure seu DotA para que quando o duplo clique em uma habilidade ou item alveje a si próprio e numa team fight ou num gank, atacando ou defendendo, aperte freneticamente TAB e W e veja os Meepos destruindo seus inimigos com Poof!


 

Infelizmente, nem tudo são flores na vida de Meepo. Ele ainda morre se qualquer clone morrer, e ainda é counterado por heróis com dano massivo em área, como Queen of Pain, Earthshaker, Magnus, Tidehunter, entre outros.

Além disso, não falamos da Earthbind. É difícil mirar ela, pois o alvo deve ser onde você supõe que o hero estará quando a rede chegar. Essa rede impede o seu alvo de ficar invisível, embora não revele alvos que já estejam invisíveis quando forem atingidos (estou olhando para procurando você, Riki!) , e que todos os meepos podem jogar suas redes para renovar a duração; não se esqueça disso para não passar vergonha jogando todas as redes de uma vez.

Lembre-se também do fator respeito. Seus oponentes viram você escoher um Meepo: respeito instantâneo. E você sabe o que respeito instantâneo significa: a menos que você escolha depois de todo mundo, será imediatamente counterado!

No começo do jogo, você vai querer farmar na safe lane. A partir do nível 3 você já terá um clone, e o farm vai ficar mais tranquilo. Quando você tiver Poof! nível 4, já consegue farmar as jungles sem muita preocupação, e aí vai disparar no gold e no XP.

Pra ajudar nisso, visto que o meepo é um rapaz tranquilo, compre as Tranquil Boots2. Isso faz com que todos os meepos fiquem rápidos e consigam regenerar entre batalhas. Em seguida, feche seu Aghanim. É muito imprudente ignorar o bônus insano que este item dá.

Eis que chega um impasse. Você está lá, apanhando de Meepo porque não consegue sobreviver. Pois compre um Reaver e aprecie uma barra de vida mais longa. Tá ruim? Pois compre outra Reaver. Farmar não é difícil quando você tem 5 heróis sob seu comando!

Se precisar, compre uma Vladmir’s Offering. Não é necessário, mas além de aumentar seu dano também aumenta sua capacidade de sobrevivência, permitindo solar o Roshan sem problemas.

E agora? Você tem Botas, Aghanim, Vlad’s Offering e uma Reaver. O que fazer?

Tarrasque

“Beleza, depois de muito esforço fechei um Tarrasque. Meus Meepos estão com incríveis 2500 de vida, e o principal com 3000! O que faço agora?”

Tarrasque.

“Pera, mas já fiz um…faço outro? Bem, ok. Deu trabalho, mas fiz o segundo. E agora? Ethereal Blade pra dar dano pros outros? Talvez Mek-”

Tarrasque.

Você leu direito. Três Corações de Tarrasque. Achou demais? Boa sorte tentando morrer quando sua Força mostra “+150” no nível 25, que você alcançou lá pelos 30 minutos de jogo.

Provavalmente o jogo vai ter acabado na hora que fechar o segundo Heart of Tarrasque, mas só com a vida do primeiro e uma Reaver, o Meepo se torna uma snowball muito difícil de parar. O importante é fazer os Reavers primeiro e só fechar os Tarrasques quando acabar o espaço no seu inventório,

Esqueça itens de suporte. Mekanism? Pipe? Pff, vc é carry, e naturalmente causa um dano enorme, tanto em área quando em um alvo sozinho. Sua fraqueza é que os meepos morrem quando um morre, então previna a morte dos meepos deixando eles maiores que um Pudge de barriga cheia!

E no resto do tempo, estuna que eu mato!



 

  1. Correndo mesmo, porque a sua bota é clonada também! (Ela é o único item a ter essa moleza)
  2. Nota do Editor: Vulgarmente conhecidas como Botas Sussa

2 COMENTÁRIOS

    • É plausível fazer uma dagger, talvez ao invés da Travel, mas não é necessária. Poxa, com 405 de movespeed, que alvo os meepos não alcançam?

Deixe sua Resposta